quinta-feira

O BOM CAPITALISMO TUPINI QUIM



               O Brasil esta caminhando por uma estrada traiçoeira para virar uma nação onde as oportunidades existam para todos. No inicio da década de 90 o Presidente Collor abriu as fronteiras dos pais.Começamos a ter acesso a produtos que somente víamos nos seriados americanos.Em 94 o Presidente Itamar junto com o ministro Fernando Henrique Cardoso conseguiram criar um mecanismo eficiente para manter a inflação sobre controle.Nos governos FHC e Lula o governo caminhou junto com os bancos, multinacionais e grande empresários dividindo os lucros e prejuízos do pais. O grande problema do embrionário capitalismo brasileiro é a falta de costume do povo em pagar pelos serviços de saúde e educação.O capitalismo não permite subsídios além dos básicos para a manutenção da vida urbana e rural com segurança e acesso a educação básica e saúde de emergência a todos. Muitos vão questionar o que fazer com os excluídos: O capitalismo não permite excluídos porque ele dão prejuízo. Não existe sentido num sistema capitalista democrático nenhum cidadão desempregado.Investir no cidadão de modo que ele sempre produza sendo capaz de sem manter economicamente consumir.Qualquer comerciante sabe que quanto maior o poder aquisitivo do povo mais seu negocio vai prosperar.Continuar maquiando o capitalismo com um socialismo de fachada através de uma política social populista e marqueteira somente atrasa o pais.Para empregar basta o estado deixar que a livre negociação acontece entre patrão e empregado onde apenas a contribuição previdenciária seria obrigatória.Os famosos, demagogos e hipócritas “Direitos do Trabalhador” fazem com que outros milhões fiquem desempregados. Esta grande maquina, onde existem milhões de pessoas que se beneficiam sempre vai demorar muito tempo a ser incorporada por outras do estado.Quando isso acontecer o capitalismo brasileiro vai dar um grande salto pois numa relação onde os impostos são retirados e a total liberdade de negociação fica aberta.Acontecendo isso renda do trabalhador aumentará assim como os postos de trabalho se multiplicarão milhões de vezes acabando com o fantasma do desemprego.Para isso as leis de Getulio Vargas devem ser arquivadas pois não cabem mais para um pais com economia aberta e buscando acabar com os problemas sociais através do próprio capitalismo.