terça-feira

E QUANDO A SEQUELAS SÃO IRREVERSIVEIS

Desde que entrei em uma sala de aula pela primeira vez em 1974 até o fim de meus estudos e no trabalho fui aniquilado fisicamente, intelectualmente e moralmente pelos meus colegas e professores. Gordo. Baleia. Bicha. Corcunda, Horroroso. Medonho. Monstro. Quasimodo. Aberração. Retardado. Todos riam de mim. Todos debochavam de mim. Os poucos amigos que tive fui obrigado a comprar a peso de ouro pois diziam que sair comigo era passar vergonha. As meninas sempre foram mais sensíveis pois tinham pena de mim e diziam que para transar comigo tinham que colocar uma fronha na minha cara. Os Gays e os meninos tinham nojo de um gordinho, corcunda e tapado. Somente fui conseguir um pouco de respeito através do uso da violência extrema pois de outro jeito teria me suicidado. Hoje eu desprezo os seres humanos pois jamais fui considerado um por quem quer que seja. O Bullying somente funciona quando gera o ódio atingido seu objetivo. Até os dias de hoje o suicídio ronda minha mente tamanho o desprezo que recebi e recebo da espécie humana. Não escapou ninguém. Ninguém. Alguém pode devolver minha vida?