quinta-feira

BUZOES DAS CAVERNAS


Custa colocar uma placa com o horário de todos os ônibus que param naquele ponto afixado num poste numa folha A4 sob uma superfície de acrílico? Custa muito colocar umas rochas em forma de banco e fazer uma casa-mata para proteger o “Usuário” dos buzoes? Cada buzão tem um horário pré-determinado para cada parada. Custa informar? Acho que algo tão simples pode mudar muito as coisas! Acabar com aquela maldita espera, a ansiedade e a aquela repetitiva pergunta - Que horas passa o ônibus? Se você souber e puder se programar, as coisas fluem de forma muito melhor! Outro detalhe: Quem bola o trajeto das linhas de ônibus deveria ser submetido a um exame de sanidade mental e quem o escolhe também! Uma cidade que nem Pelotas deve ligar bairros e somente ter um terminal para embarque e desembarque integrado no centro da cidade. Fico impressionado: Por exemplos, as linhas Lindóia, Santa Terezinha, Py Crespo, Inter-bairros que passam próximo a minha casa, caso fosse unificadas com alguns horários fazendo Sitio Floresta tornaria o transporte publico na zona norte muito mais eficiente, rápido e barato. Não existe interesse em modernizar a cidade, pois alem de acabar com o transito de carros de passeio e motos nas ruas centrais, a prefeitura deveria rever todo seu conceito de transporte publico incluindo Mototaxis, táxis e lotações. Até onde é certo a regulamentaçao destas profissões com o desemprego numa taxa altíssima? Triste que o poder publico esteja andando e andando para isso. Comprar as empresas de transportes ou indenizá-las ou assumir o controle acionário seria o melhor investimento que Pelotas faria em sim mesmo. Somente o lucro com o transporte coletivo supre praticamente todas as despesas da prefeitura,... Penso eu, quem duvida faça as contas! Pelotas ser dona de sua frota seria uma fonte de renda inesgotável para a cidade em poderia melhorar em muito a qualidade de vida do pelotense, mas por enquanto pelo menos um informativo nos postes/paradas poderia ser colocado para fazê-lo perder tanto tempo e irritar-se tanto.