domingo

IMPROVISOS DE UMA SOCIEDADE DE FAZ DE CONTA


Tudo é tão claro. Somos farsantes. Inventamos imbecilidades e enriquecemos “especialistas”. - Tenho medo de falar a verdade e o que vi na minha historia. Um risco que não vale a pena correr, pois a moral não existe. Não passa de uma ilusão. Do presidente ao mendigo somos iguais e vamos apodrecer e feder. Porque mentir? Cada mentira que inventamos vamos ficando carmicamente mais pesados e mais sofreremos. Ninguém é melhor que ninguém porque tem mais dinheiro ou é mais bonito. Saúde e inteligência já diferenciam as pessoas mas ainda sim somos a mesma merda. O que mais se deveria valorizar em uma pessoa que sua capacidade de resolver problemas em soluções emergenciais e são os menos valorizados. Um Técnico em Enfermagem ganha menos que um motorista de ônibus. Ninguém me venha com nhenhenhe que qualquer retardado mental dirige um ônibus. Por favor, convenhamos – Sem hipocrisia: Como são nivelados os salários? Porque magistrados ganham mais que professores e policiais se, realmente quem trabalha mesmo, são estas classes e o judiciario no Brasil é controlado pelo legislativo e executivo? Tudo uma grande armação com o apoio da mídia que é remunerada e recompensada através de generosos anúncios em seus meios de comunicação. Quem é que vai rejeitar alguns milhares de R$ para falar bem do governo (mentir)?Ele não vai mudar mesmo. Tudo armadinho – Um governo de faz de conta. Senhores respeitáveis impecáveis com um verborragia fantástica e nada mais.