sábado

ALIENAÇÃO OU CIVILIZAÇAO MODERNA?



Às vezes não entendo porque eu me incomodo tanto com a vida dos outros!!! Se eles querem serem trouxas, que sejam, mas às vezes me sinto na obrigação de alertar a galera para usar o cérebro. Um enraba o outro - Isto é a sociedade - Nada mais que um trenzinho onde as leis beneficiam a quem tem mais. Ta certo que boa vontade existe do homem em relação ao homem mas para isso um deve enrabar ao outro. Não existe amizade nos negócios e a publicidade é a mentira a serviço do consumo.Um pouquinho de maturidade e um pouquinho e humanidade. Roupinhas de cachorro, festas de luxo, luxuria dentro da miséria? Isso que me revolta - Será que o ser humano é tão ingênuo assim a ponto de não se dar conta de sua fragilidade diante do universo e insistir em crenças e folclores que somente atrasam a civilização de evoluir para o bem comum onde ninguém mais tenha que sofrer por ignorância, fome, assistência a saúde e falta de trabalho - Isso é barbadinha mas com os caras carregando velas acesas achando que algum ser supremo assiste as procissões e com outros povos ainda na idade da pedra em relação ao ser humano e com suas bengalas psicológicas (Religiões e crenças) vai demorar um milhão de anos - todos apodrecerão um dia, todos cagam, todos mentem, mas nem todos fazem o esforço de pensar e refletir sobre as aberrações em nome de abstrações. As capas dos discos do Dead Kennedys falam muito de como as coisas funcionam.

12 comentários:

  1. MUITO OPORTUNA SUA POSTAGEM MANIFESTA O QUE MUTOS PENSAM ,VOÇÊ CONSEGUE EM SEUS TEXTOS TRAZER A INDIGNAÇÃO DE TANTAS COISAS COISAS QUE NAÕ VÃO BEM,

    ResponderExcluir
  2. O problema é que os homens não são mais homens, perderam seus valores e a dignidade também, e essas novas gerações então, tenho até medo ng é amigo de ng, se der mole o outro passa por cima. No Rio de Janeiro está demais, a maioria se orgulha de não ter caráter.

    ResponderExcluir
  3. Não podemos nos calar nunca diante de tais misérias!
    Parabéns pelo post.
    Feliz Páscoa.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Venho desejar a você uma Páscoa abençoada e feliz repleta dos recomeços que você espera...
    um beijo de luz
    mirna

    ResponderExcluir
  5. Querido André, peço licença para, mais uma vez, publicar esse seu estupendo texto no meu blog. O farei se você me permitir. Quero que mais pessoas tenham a oportunidade de ler isso que você escreveu. Como sempre você me surpreende com frases tão forte e verdadeiras.
    Aguardo resposta!

    ResponderExcluir
  6. onde estão os homens afinal ? Concordo com o amigo ali de cima... Os homens não são mais homens. Ei Passe lá no meu blog :D
    Posso te linkar?

    ResponderExcluir
  7. Toda vez que eu venho no seu blog, tenho a impressão de que alguém falou por mim o que eu pensava.Concordo com vc nesse texto e em vários outros que eu já li aqui.Eu sou ateu, e não sei se eh pela minha falta de crença,mas eu nao consigo entender além do fato da carência humana de parar e realmente perceber que estamos sozinhos nesse barco, que não tem ninguem olhando por nós.Acho que as religiões se sustentam pela carência do homem, é complicado vc perceber que vc está sozinho nessa e que se vc for até a esquina se alguém te assaltar deus não vai te proteger.Até pq vc mereceria mais ajuda do que o assaltante pq mesmo ? se todos nós somos filhos dele...

    ResponderExcluir
  8. Ola .. tbm possuo um blog. O meu é de rock. Gostei muito do seu !!Parabéns, to afim de fazer uma parceria ok, se tiver afim responda esse recado meu. Obrigado.

    http://israelrockinroll.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. André: Se vc não existisse, Alguém precisaria tê-lo inventado. E esse Alguém deveria ser Deus para concebê-lo tão des-conformado com a miséria humana. Gosto de ler o que vc escreve: é diferente de tudo o que já foi escrito por aí. uma visão madura que guarda a inconformidade da adolescência como um bem supremo. Que vc não a perca, é o meu desejo. E que Deus se revele a vc, sem velas e sem procissões, que isso é coisa do homem. Grande abraço, meu amigo. Ana.

    ResponderExcluir
  10. é um texto que te faz pensar né...

    ResponderExcluir
  11. Andre, interessante que antes de ler seu texto eu participei comentando uma imagem postada pelo Curiosando. Um milionário indiano e sua mega e horrorosa casa. Só com o que ele gastou para construir, pior, para manter, quantas vidas não salvaria no próprio país que mora?!
    É discrepante e nojento.

    Adoro seus textos! Beijos.

    ResponderExcluir
  12. È como alguém falou aí em cima, vc traduz nossas indignações.

    ResponderExcluir

Fala tchê: