quinta-feira

LEGALIDADE? LEGALIDADE UM CARALHO!!!


Poder constituído!!!Legalidade!!!"Eu me elegi de acordo com a vontade popular". Depois o povo ta morrendo que nem judeu no holocausto na fila do SUS e não sabe por quê. Atrás desta mascara de estado legalmente constituído se esconde às vistas de todos uma maquina criminosa. Para chegar ao poder o político automaticamente vai estar se filiando nesta organização. Uma organização comandada pelos bancos e empreiteiras. Licitações, seguros, publicidade oficial, aposentadorias, empregos, salários e egos. Pela frente tudo é bonitinho: Um ex-operario no poder, um mulher de primeiro-ministro e um grande empresário desenganado na vice-presidência. Um parlamento onde cem votos valem mais de um milhão. E ainda me falam de vontade das urnas!!!Somos uma espécie de EUA do inicio do século passado com aborígines déspotas, burros, neuróticos e sociopatas no poder. As coisas mudam nuns pais de mentira. Não estamos crescendo e sim tem uma explosão de consumo devido às facilidades de credito. Onde tem crescimento ai????Quando o alicerce é uma farsa as crises são mais fortes. Obviamente o Brasil enfrentara crises econômicas e ai que quero ver se existe alguém com pulso pára segurar. Nossa luz é artificial como tudo no pais. Grande parte da população sem perspectiva e outra parte sem esperança. O poder de fiscalização não é exercido. Um dia o povo brasileiro terá que unir forçar para banir os criminosos da maquina estatal. Um dia a idade da vergonha nos pais vai acabar e a historia e o tempo vai colocar o Brasil em seu devido lugar.

3 comentários:

  1. eu não conheço nada pior que o sus em outubro de 2007 fui encaminhada pra uma cirurgia vascular acredita que ainda não fui chamada!!

    ResponderExcluir
  2. Espero por isso ansiosamente, André, mas sinceramente não vejo mudanças na minha e nas próximas gerações. Ficaremos em situação estagnada ou pior. Um país sem vergonha, literalmente.

    Abração

    ResponderExcluir
  3. TÔ CONTIGO E NÃO ABRO, TCHÊ!!!!

    ResponderExcluir

Fala tchê: