sábado

REDUÇAO DE DANOS

Poucos têm problemas com drogas. A maioria acha solução para seus problemas financeiros na revenda de drogas. Em relação ao numero de pessoas que bebem socialmente ou mesmo regularmente, poucos tem problemas com alcoolismo. A maioria das pessoas bebe para transar, principalmente as mulheres, para relaxar antes de uma relação. O que estraga tudo é tomar álcool o dia todo para absolutamente nada. A ociosidade leva ao habito e o habito dependendo da situação de vida pode levar ao vicio. Entre os cheiradores de cocaína, a maioria é da “sexta-cheira”, (sábado - cheira, domingo - cheira...) antes da balada e deu. Usa a droga para curtir a monotonia e idiotice/mesmice/frustração das e nas festas. O cigarro sim, este já é para autoconfiança. O “careta” não da nenhum barato. Fui fumante quinze anos. Até hoje não sei por quê! Erva, haxixe e ectase/cogumelos/alucinógeno-calmantes tem efeito efêmero perto de uma dose de uísque... Mas junto com ela a coisa já muda e muda muito. O café é um baita dum ligante. Os ligantes tarja preta (anfetaminas) emagrecem , dão uma baita falta de ar e ansiedade. O crack é estranho, por que da um minuto de ligadeira/euforia (Para que pagar R$ 20,00 por um minuto de felicidade se podemos ter 24 horas de sofrimento “de grátis” – não entendo essa gente...) e deu: morreu o barato e a grana. Proibir o consumo é impossível. Hipocrisia. Se eu tomar duas garrafas de vinho tento comer a mulher do prefeito...ou até o prefeito (Metáfora.). Isso é com todos. Ensinar o consumo consciente: quanto menor o consumo da droga maior será o barato, tanto o do álcool quanto o da cocaína ou do crack (Dizem!! Dizem!!!). Colocar na cabeça das criaturas que a partir do momento em que a sua relação com seu vicio esta interferindo nas suas relações com a sociedade e que a coisa esta errada e a culpa não é os outros. Infelizmente o mundo nunca esta errado, ele somente é cínico, safado e mentiroso. Se alguém tiver algum pepino com alcoolismo/drogas à saída é por ai. Acredito que a redução lenta e gradual do consumo pode ser a melhor maneira de livrar a pessoas de muito vícios e um detalhe: Em hipótese alguma ela pode ser discriminada:
-Senta ai meu filho, fuma tua pedrinha vendo a novela com a tua vó.
- Então ta pai. Não vais me criticar?
- Capaz! Sou moderno.
- Quer um pega?
- Isso brocha!
- Isso é lenda.
- Não é não... E tu sabe muito bem disso
- Tu não da mais conta dos teus “namorados”, tchê?!!?
- É a idade, Veio!!!
- Tu tens 15 anos porra...
As mentiras/hipóteses/lendas podem salvar muitas vidas e geralmente o dependente químico é um idiota que acredita em tudo, pois fuma sal com bicabornato ou cheira cimento cola, tomando junto um litro de cachaça e acha que fica muito louco por causa da droga. Vamos aproveitar esta brecha ou limitação. Todo o viciado é burro...se não são burros são uns baita duns otários e otários adoram vigaristas. A sociedade deve fazer sua parte.

28 comentários:

  1. Por isso que a melhor coisa é ficar bem longe das drogas.
    Beber, sim, mas com moderação! Rs...

    ResponderExcluir
  2. Eu concordo com tudo que esta dito no texto,nada justifica fazer algo que só prejudica nosso organismo, leva a loucura, ou até a morte, quem entende o ser humano?! Se é pra morrer, vamo pro Iraque substituir aquelas pobres crianças que lutam pela vida pelos nossos jovens viciados né ? ;x
    Pena que o mundo esteja assim..
    Adorei o blog e vou voltar. ;*

    http://kittfolk.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Quem usa drogas é um infeliz que pensa ser feliz!
    .
    Ainda bem que nunca usei essas porcarias e sou abstêmio.
    .
    Muitos começam com a própria bebida, caem pra maconha, depois começam nas mais pesadas. Daí não têm dinheiro pra manter e viram bandidos! Culpa do Governo e da família, que não oferecem uma boa estrutura educacional e moral, etc.
    .
    .
    Eu já estou acostumado! Vez por outra chega alguém que diz: 'Não li, não. Muito longo!'... Fico pensando: o que a preguiça não faz, né? Outra: será que lêem ao menos um livro? Ou será que nem isso fazem; ficam num semi-analfabetismo incrível por causa da falta de leitura e do viciamento na tal linguagem de internet?
    .
    Usar o nome de Deus pra lucrar é um crime gravíssimo aos meus olhos. Pena que para o Estado não o é tanto. Só não concordo com a pena de morte pois sou contra a pena de morte. Mas que deveriam ficar uns bons anos na cadeia, aprendendo a ganhar o pão de cada dia de forma honesta, isso sim, deveriam!
    .
    Grande abraço irmão! Fique com Deus, na Paz.

    ResponderExcluir
  4. Já perdi dois amigos para as drogas, e um deles morreu dizendo... prefiro morrer curtindo meu barato a viver na chatice do mundo... e realmente morreu com obarato dele.

    Grande abraço

    http://www.mulheresimperfeitas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. O homem por ser um animal racional não consegue conviver em harmonia com a natureza por isto procura novas experiências fazendo o uso das drogas. Muito bom seu texto André.
    Abraços

    ResponderExcluir
  6. UHEUhuhusrhuhruahuhasurhuahrsuhsaruhasurh
    se vc escreveu esse texto, é um gênio!
    muuuito bom!
    parabéns!

    --
    www.moolegal.wordpress.com

    ResponderExcluir
  7. André, tenho um post sobre drogas nesse mês mesmo...Dá uma olhada.
    bacana sua cronica...abraço

    ResponderExcluir
  8. Parabéns pela Crítica...
    Eu tenho(e acho que vou ter) problemas por causa das drogas pro resto da minha vida...
    não pq eu usei... mas pq tenho na familia alguém proximo que destruiu a sua vida e levou todos juntos...
    tbm não entendo pq eu fumo... não é bom... e es vezes dá uma faltar de ar desgraçada :~

    mas enfim...
    parabéns pelo blog!
    continue com ele assim

    http://oigatavemsempreaqui.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. os piores sao os que bebem "socialmente" e os que fumantes de cigarro...sao viciados em drogas, mas a socidade nao mostra isso como uma coisa ruim...por isso, que nao é fumante e quem nao bebe é visto como careta, babaca...vai entender...

    ResponderExcluir
  10. Não sei se são mais tolos por achar que a felicidade é uma constante e por não tê-las sempre acham que um vicio poderá proporcionar o que falta, ou quando acreditam na tal felicidade proporcionada pelo o vicio, tão leviana, tão superficial!
    Mas como poderá a sociedade ajudar um tolo se ela propria é tão burra quanto tal? Não meu caro, a hipocricia sempre reinará, os vicios continuarão existindo, é mais uma forma de tolerarmos a convivencia em sociedade!

    ResponderExcluir
  11. Não entendo o sentido de uma pessoa se machucar tanto, mas a mente de cada um é um oposto distante...
    Não há como se colocar no lugar do outro, só podemos fazer a nossa parte!
    Adorei o post, parabéns!

    ResponderExcluir
  12. Uau, eu admito que quando olhei o perfil que havia comentado no meu blog, murmurei: - deve ser um destes que ja passou por tudo e agora passa a mão na cabeça dos mais jovens falando, coitado, ainda tem muito o que aprender...
    mas , como sempre, me supreendi, gostei do texto, da irreverência dele, dei risada com ele, e poucos me fazem esse efeito.
    (to num péssimo momento pra escrever agora , vestibulando, viajando, estressando, e a cabeça apertada), contudo, dei risadas, que maravilha...
    trecho : "
    Infelizmente o mundo nunca esta errado, ele somente é cínico, safado e mentiroso"

    tenho esse mesmo pensamento discreto sobre a bendita sociedade, sim, tenho valores e num uso drogas, de jeito nenhum, se for pra ficar pior e mais complexo que eu, to fora.

    mas valeu, é um bom posicionamento. vc me fez escrever bastante agora. ver se passa depois lá no meu , veja alguma narração, e tentar ajudar esse futuro PSICóLOGO-ADVOGADO-JORNALISTA frustrado.

    ResponderExcluir
  13. O assunto é bem complexo, e está tratando de muitos assuntos polêmicos.
    De qualquer forma, acredito na terapia de redução de danos, apesar de achar que não são todos que se encaixam.
    Parabens pelo Blog.

    ResponderExcluir
  14. bom texto cara gostei mesmo....

    Entre na comunidade do meu blog tb.
    http://www.orkut.com.br/Community.aspx?cmm=81191861

    ResponderExcluir
  15. É interessante ouvir um relato como esse, ajuda a esclarecer esse mundo para os que não o conhecem como eu que nunca me aproximei ou tive curiosidade para conhecer. O que fico pensando é nesse tal parte da sociedade que você cita no texto visto que o consumo consciente de bebida, essa aceita socialmente, já é dificil de acontecer em muitos casos.

    ResponderExcluir
  16. O seu blog é muito bom, e por ser muito bom, que com grande prazer te dou um selo.Passa lá no meu blog e terá mais detalhes, parabéns pelo excelente blog.

    ResponderExcluir
  17. É mesmo eu até entendo... dificil mesmo já que tém a midia mais a frente;;; eu nao sou muito de esportes, mas eu valorizo!

    ResponderExcluir
  18. O fruto proibido tem enorme poder de sedução. A impetuosidade do adolescente é armadilha com enorme poder de ilusão. As drogas sugerem solução justo quando estampam problema sem tamanho que é o do encarceramento, vício. Ir para o cárcere definitivamente não é seguir pela trilha da liberdade que temos e precisamos para viver. A coisa é simples demais para ser entendida. Mas quem disse que boa parte das pessoas quer a simplicidade para viver?
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  19. Boa tarde!

    O drogado (por substâncias, pelos programas mal selecionados, pelos relacionamentos, enfim, drogado pela qualidade de suas escolhas!) é um ser deprimente inseguro e fraco.

    Tão fraco ele é que prefere tentar se esconder atrás do cachimbinho e de sua filosofia 'liberdade para dentro da cabeça'. Prefere o torpor burro ao questionamento que liberta.

    Não gosto de drogas, prefiro evitar coisas que tapam meus olhos.

    Este mundo é astuto, enquanto um viciado passa seu tempo curtindo uma lombra, vem um vagabundo mais esperto, sóbrio e o enraba!



    http://garotapendurada.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  20. Nao consigo entender o pq as pessoas chegam a esse ponto. Nada justifica, vc falou td ai no texto.

    Podem me chamar do q for, mas boto uma merda essas no meu organismo.

    ResponderExcluir
  21. Pelo "peso" de seu blog sinto-me muito honrado pela sua visita e comentário...obrigado e inté!!

    ResponderExcluir
  22. Ótimo texto. É preciso saber pensar com a própria cabeça, ficar bem longe de elementos químicos e ser um indivíduo isolado.

    Adorei o que comentou, está certo. Você é bem você mesmo.

    ResponderExcluir
  23. Olá, André

    Finalmente, tive um tempinho para aterrissar no seu blog. Já imaginava que você era um homem inteligente, talentoso e experiente.

    Li, com avidez, o post sobre drogas.

    É a verdade mais pura, dita de uma maneira que qualquer mortal ( e imortal também) entende.

    Viajei por esse mundo, incluindo o do álcool e saí dele por milagre.

    Sou mais ou menos como você. Um aventureiro da vida. Morei até em ônibus, na minha juventude. Fui também umbandista, kardecista, terreirista (não terrorista), mistificador e por aí vai.

    Olha, você me chama sempre de professor. Passo a chamá-lo de mestre. Fiquei seu fã.

    Abraço mais do fraternal.

    ResponderExcluir
  24. Olá,
    Temos um Selo para você em meu blog.
    Acesse: http://minhascontas.wordpress.com/2009/01/25/primeiro-premioselo/

    Abraços
    Rodolfo
    http://minhascontas.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  25. Queria votar mais você não me deu a opção: Bacana ! Muito bom seu artigo,André.!
    É mais que razoável , com certeza.
    Pedro e Eninha
    Esse blog que vai aparecer é o meu segundo blog não achei a opção para mudar o meu actual é http://www.oqueeisso.blog.br/
    Obrigado pela visita .

    ResponderExcluir
  26. Bela divagação... ótimo post!

    ResponderExcluir

Fala tchê: