quinta-feira

BREVE ENSAIO SOBRE O AMOR E A BELEZA.

Durante a vida toda procuramos alguém especial.
Na maioria das vezes não achamos. Alguns de nós tem uma vida amorosa frustrada por não ter achado o tão sonhado amor-perfeito.
Alguns vivem muitos amores , outros vivem um grande amor e muitos transam com meio mundo, mas são mais sozinhos que os velhos travestis nas esquinas da vida...
Buscar a perfeição na pessoa amada sendo imperfeito? Fica difícil . Tu pode trair, mas a pessoa amada não!
Tu pode ter desejos e fantasias mas a pessoa amada não!
Muitos passam sua existência querendo um amor mas não o enxergam a sua frente.
São ambiciosos demais e muitas vezes nessa ambição destroem sua historia.
Muitas vezes buscamos o amor em pessoas e lugares muito alem de nossa capacidade. Resumindo: Tu tem corrida para ter uma bicicleta e quer uma Ferrari – Somente pagando para receber amor...Não rola! Hoje - talvez eu esteja errado - acredito que o amor entre duas pessoas independente de sexo, não passa de reações químicas , e se soubermos aproveita-las podemos ser muito felizes.
Não podemos esquecer um detalhe o qual muitos esquecem: Amamos para nós. Dividimos a cama e os desejos a dois. Muitos querem um amor para se auto-afirmar e mostrarem aos outros aquele bibelô bonito e gostoso(a) para dizer que é seu! O tempo passa rápido demais e com ele vai embora o desejo. Deixa o coração falar e se disserem que tu ta amando um dragão...que seja , pelo menos é o teu dragão e tu conhece o amor. Somente os tolos se fascinam pela beleza exterior...não quero cair nos clichês cafonas , mas o tempo que deforma o exterior não atinge os sentimentos e a felicidade que somente ser amado de verdade pode proporcionar..

33 comentários:

  1. Eu encontrei meu grande amor, ou melhor meu seungo amor porque do primeiro fiquei viuvo. Feliz ano novo

    ResponderExcluir
  2. Assino embaixo essa tua cólera de um amante frustrado e desesperado...

    ResponderExcluir
  3. fico impressionado como as pessoas tem capacidade de deturpar um texto ou nao entender nada do que esta escrito.Sei que escrevo muito mal mas porras...

    ResponderExcluir
  4. Eu nunca amei. Simples assim. Mas acho que sou muito jovem pra desistir de encontrar o cara "perfeito",,, Espero que qualquer dia eu possa voltar aqui e contar minhas impressões sobre o amor...

    até mais e sorte esse ano pra vc!

    ResponderExcluir
  5. "As feias que me desculpem, mas beleza é fundamental."
    Foi o poeta quem disse, não eu.

    Não discordo, embora não me apaixone apenas por beleza.

    ResponderExcluir
  6. O grande lance é que quando vc para de procurar, acaba encontrando. Na verdade, não se deve procurar um amor, você deve viver sua vida e descobrir por acaso. esse é o grande mistério da vida!

    ResponderExcluir
  7. Acho que cada um enxerga o amor a sua maneira. Na minha opinião amor é o que sentimos quando não esperamos nada em troca. É amar por amar. Se pensarmos que somos donos de alguém, isso não é amor, é egoísmo.

    www.olhaquemaneiro.com.br

    ResponderExcluir
  8. O amor muitas vezes é egoista. E é esse sentimento de posse que acaba com o amor.

    ResponderExcluir
  9. uma vez ouvi algo verdadeira: o amor não vive em cavernas, ele não pode ser preso e nem cobrado.
    ;)
    se vc ama, é a unica coisa q importa.

    e nem sempre se separa, é q deu errado, e sim, q deu certo até certo ponto e teve q acabar ali.

    abs

    ResponderExcluir
  10. amar de verdade eh difícil...
    colocar a felicidade alheia acima da sua!!!

    ResponderExcluir
  11. concordo com o que vc diz sobre buscar a pessoa perfeita sendo que nós não somos... dizem que os opostos se atraem mas o que mantém um relacionamento são as semelhanças... ou não! hahaha
    gosto da forma coloquial e acessível, sem medir palavras pra tentar falar bonito que vc escreve suas crônicas! um abs

    ResponderExcluir
  12. Quer dizer que tu é gaúcho de Pelotas?

    Pois bem, sou gaúcho de farroupilha. E antes de ler teu perfil à direita da página me deparei com pura poesia vindas da alma de algum "poeta anônimo". É assim que costumo chamar a gauchada que vive com um pinho nas mãos tocando um chamamé solitário pelas coxilhas rio-grandenses, e que muitas vezes é o quanto lê basta, como professor de História, faço grandes pesquisas sobre a origem e a manutenção do termo "gaúcho". Qualquer dia destes até posso publicar um dos ensaios da minha tese no blog, ainda me falta um pouco de tempo.

    No mais, tenho à dizer que teu ensaio tem um teor bastante humano, representa muito bem as pessoas e seus complexos relacionamentos. Na verdade, acho que estamos em uma eterna busca de si mesmo. Que em muitos casos trata-se apenas de uma felicidade superficial. Gostei muito do teu blog, e ainda mais porque tu também carrega o estandarte rio-grandense, e sabe bem o que é poesia.

    Sou novo no mundo do blog, estou começando, a publicar umas idéias sobre crítica política, futebol, e as vezes tento - sem sucesso - fazer humor. Dá um apassada por lá depois.


    http://cambaratricolor.blogspot.com/



    Grande abraço !

    ResponderExcluir
  13. Como minha mãe dizia quando eu tava procurando namorada: Avalie o que vai sobrar depois que a beleza exterior se for!!!

    Abraços

    http://sociedadedosmalas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. é a mais pura verdade..
    agora, quero que as meninas de escola, de minha rua, de minha cidade e de meu bairro leia isso..
    porque elas só dão valor realmente a beleza exterior..
    e isso é chato..
    acho que o fato de terem entre 15~19 anos ainda não tem cabeça, mas eu com 17 já sei diferenciar isso..
    tá certo..
    e pra mim o amor é nada mais nada menos que o encaixar de 2 peças de um quebra-cabeça, o encaixar que nunca niguém poderá desencaixar, e que vivem em perfeita hharmonia, independemente do sexo..
    :)


    abraço !

    ResponderExcluir
  15. temos q saber duas coisas na vida:
    a amar, e tb a aceitar que o amor vá embora.
    =/

    ResponderExcluir
  16. Pow cara, que forma de avaliação foda a sua, o máximo que pode ser é razoável x.x'


    tem que colocar lá muito bom e fodasso

    abraço


    http://paranoiaelucidez.blogspot.com/


    Participando do TOP 30, se vc curtir o blog e quiser colaborar é só VOTAR o,Ó

    ResponderExcluir
  17. oh... q txt magnifico...
    disse tudo q eu tinha em mente...
    soh não usou as mesmas palavras...
    talvez pela experiencia, talvez

    ResponderExcluir
  18. E como procuramos, a coisa que mais procuramos é a outra metade.
    Tá muito bom!

    ResponderExcluir
  19. Desculpe ter demora para responder suas perguntas de ontem, mas tive de ir atrás delas, pois não sabia.
    .
    Maomé está enterrado na Mesquita do Profeta, que fica na cidade de Medina, na Arábia Saudita.
    .
    Quanto à escolha do Papa, eis o que um Católico me respondeu: """O Sumo Pontífice é escolhido mediante uma súplica ao Espírito Santo. Os cardeais no conclave reunem-se em oração alguns dias antes da eleição invocando o Espírito Santo para que os ilumine na eleição do novo papa, para saber quem e o mais qualificado para o cargo. Assim procedendo, é realizada a eleiçao do mesmo pelo voto da maioria dos cardeais.""".
    .
    Quanto à datação dos textos: variam bastante. Mas existem concordâncias tradicionais - todas bem sustentadas - de que os textos foram escritos até ao fim do 1º século. Em verdade, nenhum dos textos originais foi escrito depois do 1º século. No entanto, até onde eu saiba, só chegaram até nos cópias dos originais, em Grego, que datam do 2º século, mais ou menos.
    .
    Não só poderiam ser alterados, como foram alterados, principalmente pela Igreja Católica. No entanto, hoje em dia existem grupos de historiadores, teólogos e linguístas trabalhando no resgate dos textos originais, a partir das cópias do 2º século, e de cópias em hebraico e aramaico no caso do Antigo Testamento. Até onde eu sei, o trabalho desse pessoal têm sido muito proveitoso, de modo que ao menos 80% dos textos já estão resgatados. No entanto, há versões bíblicas e versões bíblicas.
    .
    Feliz 2009.
    .
    Grande abraço. Fique com Deus, na Paz.

    ResponderExcluir
  20. Olá, André. Muito obrigada pelo comentário no Abóboras! ;-)

    Hahaha. Ri muito na parte do "dragão". Mas para quem está apaixonado, o feio se torna o belo. Não importa se este for um dragão, como você mesmo diz. O amado será sempre o mais lindo. Bom, pelo menos é o que eu acho!


    Até mais!

    ResponderExcluir
  21. Ei André, gostaria que lesse e comentasse este post que fiz sobre uma música muito famosa no nosso rincão, por favor, está no link a sguir, valeu!


    http://cambaratricolor.blogspot.com/2008/12/o-esquilador.html

    ResponderExcluir
  22. André, dessa vez você se superou, que texto bonito. Conseguiu canalizar bem o sentimento. Às vezes me perco procurando uma bela mulher pra passar a vida, e quando me dou conta acabo pensando isso que você sabiamente disse: "o tempo que deforma o exterior não atinge os sentimentos".

    Belíssimo texto.

    Grande abraço

    ResponderExcluir
  23. Concordo com o texto André,tenho essa opinião...as pessoas deveriam se importar menos com a opinião dos outros,geralmente em rodas de amiigos,qdo a namorada de um não é bonita,os cara zoam demais...
    Criam estereótipos de beleza.

    ResponderExcluir
  24. realmente, as vezes a felicidade esta na nossa frente mas nao enxergamos, pois queremos algo alem do que podemos ter.

    ResponderExcluir
  25. Relatos sobre o verdadeiro significado do amor, interessante, pena vivermos em uma época em que amar não significa mais nada.

    http://opiniaoandre.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  26. Que legal que visitou o meu blog. E tb sou fã de HARD ROCK. Ah, tomei a liberdade de colocar seu blog nos que acompanho.Beijinhos!!!

    ResponderExcluir
  27. Gostei do texto.

    Creio que esse assunto seja bem mais complexo do que parece ser. Está muito além de beleza e tal. E talvez o problema não esteja em mim, nem no meu vizinho. Essa forma iludida de se desejar um amor, entre outras coisas, remonta séculos de valores pré-impostos. A história, a política... tudo tem uma parcela de 'culpa' - não é bem essa palavra que gostaria de usar, mas não me veio outra à cabeça -, que nos impulsiona à construção esteriotipada do ser perfeito.

    Também concordo com o que disse alguém aí de cima: isso pode ser uma eterna busca de si mesmo. Queremos encontrar no outro, nada mais que valores que para a gente são valiosos. Acredito que o amor é egoísta por natureza; vejamos o amor materno, por exemplo. Um filho planejado nasce pelo desejo feminino de querer ter a sensação de ver a barriga crescer, sem falar dos desejos do pai, e depois de nascido, os pais querem para seus filhos, o que não tiveram para si, como se os anseios do novo ser, fossem os mesmos que os deles. Puro egoísmo! Porém não sei dizer até onde isso é ruim. Talvez não seja, totalmente.

    Voltando ao amor de que fala o texto, fico com: "acredito que o amor entre duas pessoas, independente de sexo, não passa de reações químicas, e se soubermos aproveitá-las, podemos ser muito felizes."

    As pessoas querem tanto, que esquecem de aproveitar os momentos bons -e presentes- que têm, porque estão se focando no que não têm, ou no que pode acontecer, mas ainda não aconteceu. Esse lance de amor eterno, acho bobagem. Se acontecer -o que duvido-, beleza, mas o importante, a meu ver, é a intensidade do sentimento, independente de sua durabilidade temporal.

    "Que não seja imortal, posto que é chama, mas que seja infinito enquanto dure."

    Beijos, André!

    PS: Adorei o seu blogue.

    ResponderExcluir
  28. bão, muy bien!
    me ha gustado un mogollón tu texto.
    farei referência de teu blog no meu, já já.
    bjs

    ResponderExcluir
  29. Um ótimo conceito do verdadeiro amor....parabens!

    ResponderExcluir
  30. Lindo texto! Quando amamos ficamos egoístas, como disseste, podemos tudo e a pessoa amada não. Pessoas que escolhem demais e procuram uma "pessoa-bengala" para se autoafirmarem precisam, antes de tudo, se amarem primeiro. Viver o presente, viver o que sente, sem perguntas, sem se preocupar com o que os outros irão pensar, seguir o coração, então não tem erro. Ser feliz, é isso que buscamos. Beijos.

    ResponderExcluir
  31. Quantas pessoas passam a vida inteira infelizes na busca deste mítico grande amor.Casam-se por convenções (todo mundo tem que casar e ter filhos), e nesta operação mal sucedida vivem sonhando com uma corrida de Ferrari.

    Adorei

    ResponderExcluir
  32. Simples, objetivo e direto. Quem ama não vê defeito só vê beleza. O amor é lindo. Sempre.

    ResponderExcluir
  33. Especial essa postagem, franca e real. O amor é tudo, não importando de onde vem, não importando a beleza exterior. O importante é que estejamos inteiros e não sair catando a cara-metade, também a outra pessoa tem que estar inteira e juntos formarem dois individuos que se amam.
    Sucesso.

    ResponderExcluir

Fala tchê: